You Are Here: Home » Editorias » Música » Quanto mais velho melhor

Quanto mais velho melhor

Por Renniê Paro

Estou escrevendo no dia do meu caro colega Antonio Saturnino para falar sobre o último show que fui cobrir. Já sei que muitos acharão brega ou inadequado, mas ninguém pode negar o sucesso que esse cara já fez (e ainda faz, para algumas pessoas) na música brasileira.

Na noite de sábado (27) fui acompanhar o show intitulado “Íntimo”, do Fábio Júnior, realizado na área de eventos do clube Juventus, na Mooca. Para começo de conversa, já fui a alguns shows, mas nunca, em toda a minha vida, vi fãs tão malucas e histéricas como no show dele. Mulheres saindo no tapa e se jogando no chão (literalmente) para pode ficar o mais próximo possível de seu grande ídolo.

Fábio Júnior é, como todos sabem, o charme em pessoa. Encanta com seu sorriso, jeito de menino e baladinhas românticas. No show com ar de “entre, sinta-se em casa”, Fábio entoou canções antigas, como Senta Aqui (nessa achei que o Juventus viria abaixo com os gritos femininos rs), Sem limites para sonharO que é que há, entre outras.

Uma das coisas que decepcionou, por assim dizer, foram as inúmeras regravações que o cantor inseriu em seu set list. Não que não fossem músicas boas (quem falar que Tim Maia é ruim, pode ser considerado maluco), mas aposto que, assim como eu, muitas pessoas presentes esperavam ouvir os tantos outros sucessos do galanteador. 

Com quase duas horas de show ininterruptas, pode-se dizer que Fábio ainda faz jus a sua fama de conquistador. Cada sorriso jogado ao vento, um olhar meio de lado… tudo faz parte do grande show e teatro do cantor (que, por sinal, instiga a mulherada a perder a linha).

Para quem curte baladinhas românticas ou músicas mais agitadas que falem de como conquistar uma mulher, não vai se arrepender de ir ao show. Não vi, nem ouvi ninguém falando mal ou saindo decepcionado. Ops…minto. Vi sim. Os seguranças que não conseguiram conter um bando de mulheres loucamente apaixonadas.

Sobre o Editor

Renniê Paro

Jornalista, assessora de comunicação e poetisa nas horas vagas. Amante de esportes, principalmente artes marciais. Última paixão? O boxe. Encaro os treinamentos como encaro a vida: de frente, sem medo. Unindo a força à inteligência. Teatro, cinema e livros são paixões. Amigos? Poucos e bons, sempre por perto. Família é a base de tudo. A vida? Uma verdadeira diversão, repleta de possibilidades

Número de Postagens : 299

Comentários (2)

  • Neli

    ahhahah Meu primeiro pitaco nesse blog, que já faz tempo estou para visitar.
    De Fábio Junior eu entendo kkk, não muito, mas tenho uma cunhada hiper mega apaixonada, já vi 4 shows do homem. Ganhei de um ex-cunhado do Fábio,(coisa facil de se conhecer né kk) convites vip para um show no antigo Olympia em São Paulo com direito a ir ao camarim acompanhada de uma de suas filhas a Tayná, que senão me engano canta uma faixa desse cd Intimo.

    E tudo isso que foi dito é verdade kkk, só que faltou um detalhe, voce não comentou dos backing (os negros que arrasam) que pra mim é quem sustenta o show na parte técnica o resto é inteira responsabilidade desse cara hiper carismático, ou eles não estão o acompanhando nessa turnê?

    Quanto ao repertório, quando li o release do CD ìntimo, nas fotos ele de pijama (bem íntimo) entendi que a ideia do trabalho era de cantar canções que estão ai em todos os lares, e porque não na casa dele. O CD são regravações o show então tem que passar por ai. Não foi ainda nesse show, mas ele está divulgando o novo trabalho, fazer o quê?

    Valeu!

    • Renniê Paro

      rennieparo

      Oi Neli! Seja bem vindooo!!!
      Olha sóóó, vc está completamente certo!! Os backing vocals do Fábio Jr. são de tirar o chapéu!!! Seguram todas as músicas numa boa.
      Volte mais vezes =D

      Beijos!!

Matraca Cultural © 2012 Todos os direitos reservados.

Scroll to top