You Are Here: Home » Editorias » Exposição » Instituto Moreira Salles apresenta a história do fotojornalismo

Instituto Moreira Salles apresenta a história do fotojornalismo

Por Mariana Bernun

As Origens do fotojornalismo no Brasil: um olhar sobre o Cruzeiro (1940-1960), reúne mais de 400 imagens e matérias que revelam a história da principal revista ilustrada do século XX, e que foi o estopim para a implantação do fotojornalismo no Brasil.­

A Revista O Cruzeiro foi lançada em 1928 como uma publicação semanal de variedades, de circulação nacional, tornando-se um dos maiores veículos de comunicação de massa. Em 1940 implantou o modelo da fotorreportagem, publicação pioneira em fotojornalismo.

A exposição tem como foco as décadas de 1940 e 1950, período de maior atividade e difusão da revista. Como afirmam os curadores Helouise Costa e Sergio Bugi, “o período da Segunda Guerra Mundial foi marcado por transformações sociais profundas que colocaram questões éticas contundentes no terreno da política de maneira geral e no campo da fotografia em particular. Uma das consequências foi a disputa entre duas diferentes concepções de fotojornalismo, materializada no cenário internacional a partir da fundação da Agência Magnum em 1947, e que teria forte repercussão na revista O Cruzeiro”.

Alguns jornalistas entendiam que as fotografias deviam atender as demandas do sistema de comunicação de massa para conquistar o público, outros apostavam que uma abordagem mais humanista (menos sensacionalista) era o modelo certo de fotografia. Assim foi marcado o início do fotojornalismo no país.

O conceito de fotojornalismo é outra preocupação da Mostra. Em geral definem a profissão como sendo o uso de fotografias e textos relacionados para representar um fato da atualidade de acordo com certas estruturas narrativas. Para os curadores representa uma forma de representação social historicamente determinada, e por tanto em constante modificação.

Pois é Matraqueiros, muito tem a falar sobre o fotojornalismo, que particularmente eu adoro, mas para você conhecer mais que palavras num post  bora para a exposição que fica em cartaz até 31 de março no Instituto Moreira Salles.

Serviços:

Exposição: de 23 de novembro de 2012 a 31 de março de 2013
De terça a sexta, das 13h às 19h
Sábados, domingos e feriados, das 13h às 18h
Entrada franca

Instituto Moreira Salles – São Paulo
Rua Piauí, 844, 1º andar, Higienópolis

 

Sobre o Editor

Mariana Bernun

Jornalista e publicitária. Amante de esporte e cultura e Blogueira no Matraca Cultural! @maribernun

Número de Postagens : 112

Matraca Cultural © 2012 Todos os direitos reservados.

Scroll to top