You Are Here: Home » Editorias » Teatro » Festival promove música de qualidade e incentiva o aprendizado da língua inglesa

Festival promove música de qualidade e incentiva o aprendizado da língua inglesa

Por Renniê Paro

Com início em 17 de maio, o Cultura Inglesa Festival, evento gratuito, trará uma gama de artistas reconhecidos do público jovem para animar os dias paulistanos. Buscando fomentar a produção artística brasileira inspirada nas artes e culturas britânicas e trazer para São Paulo o que há de mais cool no Reino Unido.

 

Como em 2012, a 17º edição do festival será itinerante, Sorocaba, São José dos Campos, Campinas e Santos, receberão atrações musicais, de teatro adulto e infantil, exposições, dança e mostras de cinema. O diferencial deste ano fica por conta de apresentações de teatro e dança, com peças como Oh os belos dias (Samuel Beckett) direção Rubens Rusche, Jogos para Adultos (Howard Brenton) direção de Rodrigo Bolzan e The Static (Davey Anderson) com o grupo Thickskin da Escócia.

O evento só termina no dia 30 de junho, portanto há muito que aproveitar.

O Matraca Cultural bateu um papo com Laerte Mello, gerente cultural da Cultura Inglesa, para entender um pouco melhor o festival. Confira:

Matraca Cultural - O que é o Festival?

Laerte Mello – É um evento que durante seis semanas e apresenta uma programação de música, cinema, teatro, artes visuais e dança com artistas brasileiros e britânicos.

MC – Qual seu objetivo/ por que foi criado?

LM - O objetivo do Festival é o fomento da produção artística brasileira inspirada em arte e cultura britânica e a divulgação em São Paulo do que vem sendo produzido nas áreas de música, dança, teatro e artes visuais no Reino Unido.

MC -  Quantas pessoas compareceram na edição passada? E quantas são esperadas para esta edição?

LM – Tivemos 215.000 pessoas no ano passado e este ano esperamos 300.000 pessoas

MC -  A Cultura Inglesa sentiu que, ao proporcionar o festival, conseguiu se aproximar de seu público?

LM – Temos percebido que a presença do público vem crescendo ano a ano, e que a cada edição o número de espetáculos inspirados em cultura britânica aumenta na cidade de São Paulo. Mesmo fora do Festival o aumento de peças de teatro de autores britânicos, por exemplo, cresceu nos roteiros dos principais meios de comunicação da área.

MC -  Qual a percepção do público sobre o festival?

LM – O público sente que estamos trazendo o que tem de mais pop na música britânica e o que temos de mais contemporâneo nas demais áreas.

MC -   As atrações mudam de cidade para cidade?

LM – Sim. São Paulo recebe todas as atrações, mas as cidades de Sorocaba, São José dos Campos, Campinas e Santos recebem uma parte dessa extensa programação.

MC -   Quais são as peças de teatro que participarão do festival?

LMOh os belos dias (Samuel Beckett) direção Rubens Rusche; O Natal de Harry (Steven Berkoff) direção Georgette Fadel; Jogos para Adultos (Howard Brenton) direção de Rodrigo Bolzan, Marcos Damigo e Grace Passo; Bane (escrito e dirigido por Joseph Bone); Bullet Catch com o grupo The Arches da Escócia; The Static (Davey Anderson) com o grupo Thickskin da Escócia.

 Foto: Assessoria de Imprensa

Sobre o Editor

Renniê Paro

Jornalista, assessora de comunicação e poetisa nas horas vagas. Amante de esportes, principalmente artes marciais. Última paixão? O boxe. Encaro os treinamentos como encaro a vida: de frente, sem medo. Unindo a força à inteligência. Teatro, cinema e livros são paixões. Amigos? Poucos e bons, sempre por perto. Família é a base de tudo. A vida? Uma verdadeira diversão, repleta de possibilidades

Número de Postagens : 304

Matraca Cultural © 2012 Todos os direitos reservados.

Scroll to top